(15) 3411-7444

Cachorro com ansiedade: como identificar e tratar

Cachorro com ansiedade
0
(0)

Cachorro com ansiedade: como identificar e tratar

É importante estar atento aos sinais de alerta dados pelo cachorro com ansiedade, para que possa tratar o problema e cuidar da saúde de seu pet.

Afinal, assim como a ansiedade é um problema que causa sofrimento para as pessoas, ela também desencadeia problemas para o pet.

Por isso mesmo, é importante entender que o cachorro pode estar sofrendo e procurar ajuda ao identificar os sinais de alerta. Nós trouxemos dicas e informações que vão te ajudar a entender mais sobre o cachorro com ansiedade, confira tudo a seguir.

Cachorro com ansiedade: como identificar e tratar

Existem muitas situações que podem ser gatilhos para desenvolver a ansiedade em cães. Por isso, a família sempre deve estar atenta ao comportamento do animal.

De modo que, possa procurar ajuda profissional para uma consulta veterinária caso identifique alterações que indicam o problema.

A família sempre deve buscar observar o comportamento de seus animais de estimação, com o intuito de notar alterações para que possa procurar ajuda.

Afinal, é dever dos tutores perceber alterações que possam ajudar a diagnosticar problemas, visando garantir o tratamento precoce e melhora do quadro como um todo.

Ansiedade em cachorros: por que acontece?

O mais comum é a ansiedade de separação, ocasionada pelo vínculo afetivo entre o tutor e seu pet. Nesses casos, o cachorro costuma apresentar um verdadeiro desespero durante a chegada de seu tutor em casa após algumas horas fora.

O cachorro pula, normalmente se urina de felicidade, late, fica agitado e pode até dar algumas mordidas no tutor fazendo uma festa exacerbada em sua chegada.

Se observarmos esse pet durante o período que estava sozinho em casa, ele costuma ficar mais quieto, lamber as patas excessivamente, chorar ou destruir objetos.

Também é comum que o cachorro sofra com ansiedade por causa do ambiente no qual está, como é o caso de locais com fogos barulhentos durante períodos comemorativos, por exemplo.

Cachorros que foram abandonados podem ficar ansiosos durante o período da noite, por causa das situações vividas no passado. Assim como, é comum ter cachorros ansiosos para comer, que devoram a ração muito rapidamente.

Como identificar a ansiedade em cachorros?

A melhor maneira de identificar um cachorro com ansiedade é observando seu comportamento. Será possível perceber:

  • Queda de pelo;
  • Uivos;
  • Tremores;
  • Gemidos;
  • Latido em excesso;
  • Estado de alerta constante;
  • Hiperatividade;
  • Lambedura excessiva;
  • Agressividade;
  • Comportamentos destrutivos.

Quais os tipos de tratamento para cachorro com ansiedade?

É importante adotar múltiplas medidas para tratar a ansiedade de seu cachorro, todas elas orientadas pelo veterinário responsável.

Como é o caso de preparar o ambiente, tornando o espaço mais seguro e confortável para o cachorro. Disponibilizar comida em potes que ajudam a comer mais lentamente, oferecer acolhimento ao cachorro e enriquecer seu espaço.

Se o pet tem brinquedos estimulantes para se distrair, tem interação e passeios diários para gastar a energia e aproveita bastante a convivência com a família, é possível minimizar o quadro de ansiedade.

Em alguns casos, o veterinário entra com medicação específica para tratar a ansiedade, em conjunto com a adoção de estratégias que visam justamente garantir que o ambiente ajude seu cachorro a ter a ansiedade tratada.

Conclusão

Assim como ocorre com os humanos, a ansiedade desencadeia sofrimento, é prejudicial para o bem-estar e requer intervenção.

Portanto, é muito importante agendar sua consulta com o veterinário de confiança, para que o cachorro com ansiedade possa ser avaliado.

Anote os comportamentos observados e relate tudo ao veterinário, para que o profissional possa avaliar o caso individualmente e orientar a melhor conduta possível.

De modo que, o esforço conjunto da família e do profissional possam contribuir para que o pet volte a ter qualidade de vida e bem-estar.

 

Avalie essa postagem

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Ainda sem votos:

Tags

What do you think?
Related Articles